António Barbosa e Daniela Fernandes visitaram as escolas do agrupamento

Além de desejar, presencialmente, um bom ano letivo 2022/2023 à comunidade educativa, a visita destinou-se a avaliar, no terreno, a forma como decorreram os primeiros dias de atividade letiva.

O Presidente da Câmara Municipal de Monção, António Barbosa, e a Vereadora da Educação, Daniela Fernandes, deslocaram-se, em dois dias da semana passada, aos sete estabelecimentos de ensino que constituem o Agrupamento de Escolas de Monção, tendo iniciado a visita no Jardim de Infância de Cortes e concluído na Escola Secundária de Monção.

 Neste périplo, António Barbosa e Daniela Fernandes estiveram acompanhados pelo diretor e pelo adjunto do Agrupamento de Escolas de Monção, Sérgio Gonçalves e Viriato Ferreira, respetivamente, e pelo Presidente da Associação de Pais, Pedro Ribeiro.

 Além de desejar, presencialmente, um bom ano letivo 2022/2023 à comunidade educativa, a visita destinou-se a avaliar, no terreno, juntamente com os coordenadores de cada escola, a forma como decorreram os primeiros dias de atividade letiva.

 Assim, os coordenadores comunicaram a necessidade de algumas intervenções pontuais e ajustamentos de ordem logística. Situações que serão solucionadas a curto prazo, vindo de encontro ao bem-estar dos alunos, auxiliares e professores e aos pedidos dos encarregados de educação.

 Nestes dois dias, António Barbosa informou os responsáveis educativos das intervenções de valorização do parque escolar previstas para cada estabelecimento de ensino. Umas estão prontas a arrancar, devendo estar concluídas até ao final do ano civil. Outras, de maior complexidade e envergadura financeira, avançarão a médio prazo.

 Aumento do número de alunos

 Com novos desafios pela frente, decorrentes do previsível aumento do número de alunos nos próximos anos, a visita aos estabelecimentos de ensino proporcionou, também, a abertura de um novo debate na área da educação, o qual terá continuidade ao longo de todo o ano letivo, visando dar uma resposta positiva à futura realidade escolar.

 Depois de anos consecutivos a perder alunos, o Agrupamento de Escolas de Monção conheceu um aumento de 103 alunos no presente ano letivo. A estes, somam-se mais 2 na Santa Casa da Misericórdia de Monção, 24 no Colégio do Minho e 34 na EPRAMI – Polo de Monção (regime diurno e curso de educação e formação de adultos).

  Partilhar este artigo
Nuvem do Minho
geral@minhodigital.pt
  Partilhar este artigo