Arcos de Valdevez: destruídos mais de cem ninhos de vespa asiática este ano

No concelho de Arcos de Valdevez, só em 2015, já foram queimados mais de cem ninhos de vespa velutina (97 dos quais até 13 de novembro). O ano ainda não acabou, mas, em relação a 2014, existe já a perceção de que a praga está a alastrar.

O número de ninhos recentemente detetados em árvores, com o cair da folha, tem vindo a disparar. Ao todo, em “lista de espera”, há mais cerca de noventa ninhos, distribuídos por todo o concelho, fora os que estão por identificar. “Nas duas primeiras semanas de novembro, foram detetadas quatro dezenas de ninhos vespeiros, nidificações que estavam camufladas entre as folhas”, disse ao Minho Digital o comandante dos Bombeiros Voluntários de Arcos de Valdevez.

Para responder aos alertas, as duas equipas, de três elementos cada, estão a destruir, à vez, “três ou quatro ninhos por noite”, quando as condições climatéricas o permitem. “Temos percorrido o concelho todo, de Jolda Madalena a Sistelo, passando por Soajo, Rio Frio, Vale… Só numa casa, em S. Cosme e S. Damião, queimámos seis ninhos e no Solar de Calvos, em Távora Santa Maria, existem atualmente [13 de novembro] cinco ou seis”, acrescenta Guimarães.

A grande maioria dos alertas é feita através de chamadas para a central dos Bombeiros ou para o gabinete de Proteção Civil Municipal, por intermédio de apicultores, particulares e autarcas de freguesia. “Estamos a fazer uma triagem, dando prioridade aos ninhos detetados em edificações (casas e escolas)”, adianta o responsável.

GOSTA DESTE CONTEÚDO?

Nas operações de queima dos ninhos vespeiros, os bombeiros utilizam cana extensível com maçarico e equipamentos de proteção usados por apicultores. No caso das nidificações inacessíveis (mais de 25 metros), os operacionais têm procedido previamente ao corte das árvores para destruírem as colónias predadoras.

Segundo os apicultores contactados por este jornal, as vespas asiáticas “estão a exterminar os enxames, reduzindo irremediavelmente a produção de mel”, resume um produtor do Vale.

 

  Partilhar este artigo
Nuvem do Minho
geral@minhodigital.pt
  Partilhar este artigo
📌 Mais dos Arcos

Junte-se a nós todas as semanas