Entrevista com a escritora e formadora do Método Lumen, Maria Vilela George

MARIA VILELA GEORGE é psicóloga, pós graduada em Recursos Humanos e especialista em Conto Expressão e Mindfulness (Atenção Plena) para Currículo Escolar.

É membro Correspondente Internacional da Academia Itaunense de Letras e ainda é idealizadora e formadora do Método Lumen Educacional, do Projeto “As Emoções sob Diferentes Olhares®” e do Podcast “Dona Joaninha – Histórias para dormir” que visa divulgar obras de autores brasileiros e a língua portuguesa para crianças ao redor do mundo, como também incentivar o PLH – Português como língua de herança. Igualmente, é autora do Livro Infantil “O Laço que Virou Abraço” – que já foi traduzido em seis línguas, coordenadora e coautora do livro “Sinto o que Conto, Contos que Sinto”.

Participou como coautora no livro “Elas na Liderança” e “Conto Expressão – O poder terapêutico dos contos” do qual escreveu o posfácio e outras antologias.

Iniciou sua alfabetização tardiamente aos 8 anos de idade, o que não foi empecilho para a sua carreira exitosa.  Por mais de 30 anos ocupou cargos em empresas nacionais e multinacionais, e também lecionou na Universidade de São Francisco.  E, hoje, Maria vive na Flórida, USA com seu esposo Deeb George III e desenvolve projetos voltados para a educação emocional em escolas do Brasil. Nos Estados Unidos é voluntária nos projetos educacionais

“Take Stock in Children” e “Reading Pals”. Participa do grupo “Mulheres do Brasil”- FL.

 w

“As histórias tocam o coração das pessoas por isso considerei todos os trabalhos ligados a leitura como o primeiro pilar.”

 w

Boa leitura!

 w

[[{“fid”:”64459″,”view_mode”:”default”,”fields”:{“format”:”default”,”alignment”:””,”field_file_image_alt_text[und][0][value]”:false,”field_file_image_title_text[und][0][value]”:false,”external_url”:””},”link_text”:false,”type”:”media”,”field_deltas”:{“2”:{“format”:”default”,”alignment”:””,”field_file_image_alt_text[und][0][value]”:false,”field_file_image_title_text[und][0][value]”:false,”external_url”:””}},”attributes”:{“class”:”media-element file-default”,”data-delta”:”2″}}]]

MARIA VILELA GEORGE

w

Escritora e Empreendedora Maria Vilela George, é um prazer contarmos com a sua participação na edição especial Coaches, Palestrantes, Consultoria e Empreendedorismo. Apresente-nos o Projeto Lumen?

Maria Vilela – O Método Lumen nasceu em 2019 depois de eu ter escrito o meu primeiro livro “O Laço que Virou Abraço” e depois de ter criado dois jogos para a educação emocional. Sempre gosto de processos que se integram. Então percebi então que os contos, os jogos estavam desconectados. Precisava algo para fechar um processo. Sentia isso. Foi aí que veio a ideia de criar um método para trabalhar as emoções com os 3 pilares – Contos, jogos e autoexpressão.

 w

Para que é indicado o Projeto Lumen?

Maria Vilela – Bem, o ser humano ouve histórias, brinca e se expressa desde sempre. Então, o método Lumen juntos estas três esferas onde há processos de desenvolvimento de cada um. Tudo tem uma história e quando brincamos acessamos nosso lado leve, nossa criança interior. Assim, ficamos mais abertos ao entendimento de nossas emoções para que possamos nos expressarmos de uma maneira mais equilibrada. Por se lidar com as histórias de cada um, o processo de educação emocional proposto no Método Lumen, poderá ser utilizado desde a sala de aula até as salas das empresas, as salas das casas. Onde houver pessoas, este trabalho poderá ser utilizado, pois onde há pessoas, há emoções.

 w

Qual o método utilizado?

Maria Vilela – Falar de emoções nunca foi fácil. Para facilitar este processo, o Método Lumen utiliza os contos, os jogos educativos para a auto expressão das emoções de uma forma leve e lúdica. E para isso ao contarmos as histórias, ao jogarmos, convidamos os participantes através de perguntas, a refletirem, a contarem e ressignificarem suas próprias histórias. Sócrates, o filósofo ensinava fazendo perguntas, pois isso permitia que o aluno manifestasse sua própria ideia e assim, crescesse.

w

Quais resultados esperar, por meio das atividades desenvolvidas pelo projeto?

Maria Vilela – Temos variantes da educação. Por exemplo, a educação física, a educação alimentar, a educação financeira existem para que a pessoa aprenda a lidar com cada um desses campos. O Método Lumen é destinado a educação emocional. Espera-se que ao aplicar a metodologia – que não é terapia, a pessoa passe a reconhecer o que sente, em quais momentos tem esses sentimentos para que esteja mais preparado para responder com mais assertividade.  Se me conheço emocionalmente posso passar de reagente a agente na minha vida. As crianças que desenvolvem o vocabulário emocional, crescem com autoestima, segurança e empatia para com os demais.

 w

Você é escritora, apresente-nos os livros publicados.

Maria Vilela – Tudo na vida tem uma história e meus livros também! Tenho dois livros publicados e várias participações em antologias.

 O primeiro deles foi o Laço que virou abraço. Um livro que fala das emoções, do relacionamento entre pais e filhos, da ajuda ao outro e principalmente, que todos nós temos algo de bom lá dentro. E quando olhamos com cuidado, podemos até descobrir uma nova pessoa. Este livro tem uma história própria. Ele nasceu para homenagear uma professora que utilizava os contos em sua sala de aula tanto na alfabetização como no letramento. Esta professora era minha irmã caçula, a Luciane Ribeiro Vilela, que nos deixou em 2007 vitima de leucemia. Mas ela nos deixou muitos legados na área da educação. Um deles está aqui, minha decisão de ser professora e escritora.

 w

O segundo livro foi o Sinto o que conto, Contos que sinto. Já este livro nasceu de um momento de completa frustração e tristeza. A ideia para o livro surgiu no dia que eu voltava do Brasil para os Estados Unidos devido ao lockdown na pandemia. Eu havia me programado para ficar quase dois meses para este trabalho de divulgação e acabei ficando apenas uma semana e meia. Isso me tirou o chão, assim como tirou o chão do mundo inteiro. No avião conversei com uma pessoa que também estava com as emoções à flor da pele. Depois de ouvir a história dela, disse a ela: “estamos todos com as mesmas emoções, porém cada um tem sua própria história.” Neste momento tive a ideia de juntar pessoas diferentes (idades, profissões, locais de residência) para escrever histórias infantis sobre as emoções.

 Em 20 de outubro será lançado o livro “Conto Expressão” onde escrevi o posfácio e participo como coautora. Este livro conta com 30 contos e 60 oficinas diferentes para serem aplicadas desde crianças até adultos.

w

De que forma os livros estão interligados ao Método?

Maria Vilela – Os livros abrem as atividades do Método Lumen. As histórias tocam o coração das pessoas por isso considerei todos os trabalhos ligados a leitura como o primeiro pilar. Além de contar e ler histórias, o facilitador promoverá atividades que trarão a oportunidade para o participante vivenciar sua história dentro das histórias que ouve.

 w

O Método Lumen é composto por três pilares: Contos, Lúdico e Auto expressão. De forma resumida apresente-nos os três pilares, e sua ligação como método.

Maria Vilela – O Pilar I são os contos. Ao ouvir uma história, o participante recebe algo vindo de alguém que escreveu. Tanto a criança como o adulto têm facilidade de entrar nas histórias e vivenciar as emoções. A criança começa a conhecer o que sente e o adulto, a reconectar-se com suas emoções.

O Pilar II é formado pelos jogos educativos. Criei dois jogos para isso. O jogo da memória Lumen Kids – Descobrindo as emoções. Ele poderá ser utilizado desde crianças de 4 anos até adultos. O segundo jogo é o Lumen Reescrevendo sua história, que poderá ser utilizado com adolescentes e adultos. Este jogo tem alguns elementos a mais do que o Lumen Kids. Ele permite que o participante associe suas histórias com pessoas, idades, emoções e comportamentos. Ambos os jogos permitem que, depois de ouvir as histórias que alguém escreveu no Pilar I, o participante seja o protagonista das próprias histórias, que desta vez, ele mesmo irá contar e ressignificar.

 w

Dentro do Pilar I tenho também um podcast que traz as histórias infantis de uma forma diferente: elas são contadas para a pessoa ouvir na hora de dormir. Procurei juntar aos contos os exercícios de mindfulness (atenção plena) para que o ouvinte relaxe antes de ouvir a história e possa ter um boa noite de sono. O podcast tem apenas 6 meses de criação e já está em 34 países.

 w

No Pilar III juntamos o que fora produzido nos Pilares I e II, ou seja, o Pilar III é onde o participante irá se expressar suas emoções por meio da arte, escrita, musica ou outra manifestação. Neste pilar são sugeridas algumas atividades como por exemplo: a encenação da peça de teatro sobre a história do O Laço que virou abraço. Esta peça foi escrita por uma professora daqui dos USA que leu o livro e se encantou com a mensagem. Também, no pilar III é onde o projeto “As emoções sob diferentes olhares” pode ser aplicado. Neste projeto, as pessoas trazem as histórias que escreveram nas atividades do Pilar II e produzem um livro conjunto. Estou viajando para Portugal agora em setembro para levar dois livros que as crianças de uma escola primária produziram dentro deste projeto. Outra atividade sugerida é apresentar uma mostra de arte com desenhos que contam histórias.

 w

Estes três Pilares unem de forma lúdica o cognitivo e o emocional, pois um não acontece sem o outro.

 w

A quem indica o Projeto Lumen?

Maria Vilela РO M̩todo ̩ indicado para escolas, empresas, entidades sociais, associa̵̤es e todos os lugares onde houver interesse de que as pessoas se conectem com suas emo̵̤es e se conhe̤am um pouco mais.

 w

Quem desejar como deve fazer para conhecer melhor o projeto e seu trabalho?

Maria Vilela – Pode me contatar diretamente pelo whatsaap +1(352)464-0212, pelo email: mvilela64@gmail.com ou pelas redes sociais Instagram @metodoluemn e Facebook  Maria Vilela George.

Os livros podem ser adquiridos pela Amazon e outras lojas eletrônicas (Americanas, Magazine Luiza, etc)

 w

Pois bem, estamos chegando ao fim da entrevista. Muito bom conhecer melhor a escritora e empreendedora, gestora do Projeto Lume, Maria Vilela George. Agradecemos sua participação na edição especial Coaches, Palestrantes, Consultoria e Empreendedorismo. Que mensagem você deixa para nossos leitores?

Maria Vilela РFa̤a parte desse momento onde as emo̵̤es esṭo aparecendo e dando chance para nos conhecermos melhor e assim, sermos pessoas melhores. Vale a pena!

 w

Divulga Escritor, unindo você ao mundo através da Literatura

Quer ser entrevistado? Entre em contato com nosso editorial, apresentaremos proposta.

Contato: smccomunicacao@hotmail.com

  Partilhar este artigo
Nuvem do Minho
smccomunicacao@hotmail.com
  Partilhar este artigo