Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima 2015 “A Água no Jardim”

Comunicado de Imprensa

A Casa da Água” foi o jardim mais votado na edição do corrente ano do Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima, evento distinguido com o título Garden Tourism awards – prémio internacional atribuído a organizações mundiais, que se destacam no desenvolvimento e promoção dos jardins enquanto atração turística.

 

Proveniente de Espanha, o jardim preferido pelo público, é da autoria Iuliana Pavalan, e Oa Bescos – ambas Arquitetas Paisagistas.

O jardim Espanhol mostra que em qualquer jardim, a água representa um elemento muito singular, transformando sobremaneira a sua envolvente e adiciona-lhe uma dimensão diferente, originando um efeito muito preponderante sobre a forma como lemos e entendemos um jardim, uma vez que estimula os nossos sentidos e possibilita uma abertura mental para tudo que nos circunda.”

Como o mais votado, o jardim “A Casa da Água” vai manter-se em exposição na 12ª edição do Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima, em 2016.

De realçar que a presente edição contou pela primeira vez com o Festival de Jardins Escolinhas de Ponte de Lima, ação dinamizada pelo Serviço Educativo da Área Protegida e pela Câmara Municipal de Ponte de Lima, e que resulta numa nova medida de estimular o envolvimento dos pontelimenses, permitindo-lhes compreender a dimensão da sua importância na promoção e no desenvolvi­mento sustentável do concelho. O Festival de Jardins Escolinhas de Ponte de Lima visou ainda concretizar um dos principais objetivos do Festival, conferindo-lhe um contributo pedagógico, de mobilização e de sensibilização da população, especialmente das camadas mais jovens, para a arte dos jardins e da preservação ambiental.

GOSTA DESTE CONTEÚDO?

No total estiveram expostos 12 jardins, um por cada Centro Educativo do concelho, sendo o mais votado a proposta da Eco Escola Centro Educativo da Facha com o jardim “A Desfolhada é uma Festa”.

O jardim retratou o ambiente associado a uma tarefa agrícola desenvolvida, cada vez mais, com o objetivo da sua perpetuação no tempo, já que a produção de milho para grão tem registado uma diminuição contínua.

“A desfolhada, pese embora implique um trabalho árduo, ao ser participada por adultos, jovens e crianças, familiares e vizinhos, dentro de um verdadeiro espírito de comunitarismo e de amizade, acaba sempre por ser uma festa.”

O jardim foi ainda enriquecido com vários utensílios e alfaias agrícolas, associados à cultura do milho.

 Em 2016 o Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima apresenta-se com o tema “Jardins do Conhecimento”. Para mais informações consulte o site www.festivaldejardins.cm-pontedelima.pt ou contacte através do email festivaldejardins@cm-pontedelima.pt.

 

  Partilhar este artigo
Nuvem do Minho
jornalminhodigital@gmail.com
  Partilhar este artigo
📌 Mais do Lima

Junte-se a nós todas as semanas