Fundação Bienal de Arte de Cerveira acolhe mais de uma centena de crianças nos ateliers

Durante o mês de fevereiro, a iniciativa “Pequenos Artistas, Grandes Obras” reúne no Forúm Cultural mais de uma centena de crianças do pré-escolar do concelho de Vila Nova de Cerveira. Os ateliers pretendem sensibilizar para a importância da arte, estimulando a capacidade criativa dos alunos.

O programa “Pequenos Artistas, Grandes Obras”, promovido pelos Serviços Educativos da Fundação Bienal de Arte de Cerveira, F.P. (FBAC), assenta em duas componentes, uma teórica e outra prática.

Numa primeira fase, os alunos farão uma visita guiada à exposição patente no museu, explorando os artistas representados, as técnicas e os conceitos. Já o segundo momento decorre nas oficinas onde se irá trabalhar, através das técnicas de gravura, pintura e cerâmica, uma obra de arte da exposição visitada.

Durante a atividade, os alunos serão, assim, convidados a estabelecer a relação entre a forma, proporcionando a descoberta de alguns materiais e das técnicas utilizadas na produção criativa.   

PUB

O vice-presidente da FBAC, Nuno Correia, explica a importância da iniciativa: “Pretende-se proporcionar o contacto com realidades diferentes fora da sala de aula, despertando a experimentação e liberdade criativas”. Acrescentando que “a ideia é permitir aos alunos ver o mundo que nos rodeia através da arte”.

A Fundação Bienal de Arte de Cerveira irá acolher educadores, professores e alunos, desde o pré-escolar até ao ensino secundário, até dia 9 de junho. 

GOSTA DESTE CONTEÚDO?
PUB
  Partilhar este artigo

  Partilhar

PUB
📌 Mais de Cerveira
PUB

Junte-se a nós todas as semanas