Luís Nobre entrega trator e material informático à Junta de Freguesia de Santa Marta de Portuzelo

O Presidente e elementos do executivo da Câmara Municipal de Viana do Castelo marcaram ontem presença na cerimónia de entrega de trator e material informático à Junta de Freguesia de Santa Marta de Portuzelo.

No seu discurso, o Presidente da Câmara explicou que este material informático vem apoiar a Junta de Freguesia e também “os fregueses na consulta e na relação com as entidades através dos portais digitais que estão disponíveis”. “Este é um novo serviço que as Juntas de Freguesia podem prestar e, para isso, têm de ter equipamentos informáticos e melhorar a rede de internet para prestar um serviço de qualidade”. “Este equipamento vai permitir a esta Junta de Freguesia dar um conjunto de respostas, proporcionando maior eficiência aos seus serviços”, declarou.

Na sua intervenção, o autarca referiu ainda que a intervenção na Escola EB2.3 e Secundária Pintor José de Brito ascende a quase 2,5 milhões de euros, “numa demonstração de que a Câmara está atenta ao que os santamartenses precisam”, requalificando “o principal equipamento de educação” da freguesia.

O projeto na escola prevê a substituição de coberturas com a introdução de isolamento térmico, novas caixilharias, substituição de pavimentos, criação de um amplo espaço de alpendre coberto para fazer a ligação entre blocos e a cantina. A intervenção inclui ainda a demolição de dois blocos que funcionam como anexos e oficinas e a melhoria de sistema de iluminação em algumas salas, pintura e impermeabilização do pavilhão desportivo, bem como o arranjo e a recuperação de pavimentos exteriores.

“Em 2023, dedicamos 8,4 milhões de euros para a Educação, sendo que 2,5 milhões estão a ser investidos em Santa Marta. Na Coesão Territorial estamos também a fazer um avultado investimento de 8,1 milhões, com transferências para que as Juntas de Freguesia possam garantir limpeza, substituição de equipamentos e mobiliário urbano e que possam fazer também investimentos da sua iniciativa. Estas duas rubricas são determinantes e estruturais e distribuídas de forma equitativa pelo concelho”, frisou Luís Nobre.

GOSTA DESTE CONTEÚDO?

  Partilhar este artigo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nuvem do Minho

Junte-se a nós todas as semanas