Melgaço cria uma Rota das Tapas e do Alvarinho e quer chegar aos jovens

Mesa com Alvarinho

Andar de mapa na mão pelo concelho a percorrer os bares e a provar as melhores tapas, regadas com Alvarinho é o conceito, descontraído e informal, da Rota das Tapas e do Alvarinho que dá início no mês de Agosto com um Festival e que promete ficar todo o ano nos vários espaços aderentes.
Esta iniciativa propõe que se deguste, em cada um dos 12 bares aderentes, uma tapa acompanhada de um copo de vinho Alvarinho por um preço fixo de 4 euros. Trata-se de promover o conceito de tapear, uma forma divertida e informal de saborear com amigos uma tapa acompanhada por um copo de Alvarinho.

Andar de mapa na mão pelo concelho a percorrer os bares e a provar as melhores tapas, regadas com Alvarinho é o conceito, descontraído e informal, da Rota das Tapas e do Alvarinho que dá início no mês de Agosto com um Festival e que promete ficar todo o ano nos vários espaços aderentes
Esta iniciativa propõe que se deguste, em cada um dos 12 bares aderentes, uma tapa acompanhada de um copo de vinho Alvarinho por um preço fixo de 4 euros. Trata-se de promover o conceito de tapear, uma forma divertida e informal de saborear com amigos uma tapa acompanhada por um copo de Alvarinho.
As tapas de cada um dos estabelecimentos foram desenhadas pelos seus responsáveis, que aceitaram o repto que a Câmara Municipal lhes lançou, tendo que colocar na sua confecção produtos do território. Presunto, salpicão, chouriça de carne, chouriça de sangue, alheira, bacon, queijo, mel, compotas, broa, todos estes produtos constituem este petisco, concebido para harmonizar com as marcas de Alvarinho de Melgaço escolhidas pelos mesmos.
Para descobrir quais os espaços aderentes, a Rota das Tapas e do Alvarinho disponibilizará um mapa com a localização de cada um dos bares, assim como fotografias e informação sobre a composição das tapas que irão acompanhar um dos melhores vinhos brancos do mundo.
Ao longo do ano, os estabelecimentos aderentes irão promover, nos seus espaços, sessões de degustação e apresentação dos produtos locais em conjunto com as empresas de Melgaço, provas comentadas de vinho Alvarinho, pequenos cursos de iniciação à prova de vinhos, workshop’s de corte de presunto acompanhadas com concertos musicais.

Festival de Tapas na Alameda

Os bares aderentes à Rota das Tapas e do Alvarinho irão estar presentes na Alameda Inês Negra, de 7 a 9 de Agosto, com stands próprios a promover a degustação das melhores tapas e do vinho Alvarinho de Melgaço. Para o efeito, à entrada, os visitantes poderão adquirir um copo com o logotipo da iniciativa e partir à descoberta. Naquele recinto, junto à Torre de Menagem, serão colocadas mesas e bancos de apoio para que os visitantes possam degustar no melhor cenário.
O horário de funcionamento será, no dia 7 Agosto (sexta-feira), das 18h às 2h e nos dias 8 e 9 (Sábado e Domingo) das16 às 2h da madrugada. Toda a história do Rock vai ser contada ao vivo no Festival da Rota das Tapas e do Alvarinho, organizado pelo Projecto Viva com o apoio da Câmara Municipal de Melgaço. Cinco bandas irão reproduzir os sons que internacionalizaram o rock. O rockabilly dos anos 50, a geração beat, a pop do Woodstock e do movimento hippie dos anos 60, o hard rock dos anos 70 e 80, o Reggae dos anos 80 e 90 e a fusão, todo o universo do rock vai estar representado neste original festival de música. No Domingo, dia 9, os ritmos passam a ser do mundo, com representação da música cubana e africana. O programa conta ainda com algumas actividades paralelas em que se destaca “o Dia da Caminhada” com um percurso pelo “Trilho das Pesqueiras”.

PUB
  Partilhar este artigo
Nuvem do Minho
  Partilhar este artigo
PUB
PUB

Junte-se a nós todas as semanas