Museu do Alvarinho ultrapassou 10 mil visitantes

Comunicado de Imprensa

Com pouco mais de nove meses de vida, equipamento dedicado à história e cultura do Vinho Alvarinho é uma aposta consolidada e um trunfo valioso na defesa e divulgação daquela casta singular e suporte da nossa identidade coletiva.

O Museu do Alvarinho, localizado na Casa do Curro, imóvel do século XVII, foi inaugurado no dia 28 de fevereiro do presente ano, contabilizando, em pouco mais de nove meses de vida, a visita de 10.178 pessoas de diferentes idades e nacionalidades. Destes, 7980 são de nacionalidade portuguesa e 2198 são estrangeiros dos cinco continentes.

Estes números revelam que aquele equipamento, situado em pleno centro histórico da localidade, representa, no dia de hoje, uma aposta consolidada e um trunfo valioso na defesa e divulgação do Vinho Alvarinho, potenciando as suas características endógenas e as empresas locais dedicadas à sua produção. 

Com um investimento próximo dos 150 mil euros com comparticipação PRODER de 90 mil euros, o Museu do Alvarinho assume-se, cada vez mais, como um espaço de promoção e degustação daquele produto demarcado e singular com elevada importância na economia de muitas famílias monçanenses.

GOSTA DESTE CONTEÚDO?

Distribuído por diferentes áreas, este espaço proporciona aos visitantes uma autêntica viagem pelo mundo deste famoso néctar, disponibilizando informação sobre a origem, evolução e empresas dedicadas à produção deste verdadeiro suporte da identidade cultural e histórica do concelho.

As empresas de Vinho Alvarinho com produto rotulado, tantas e tantas vezes premiadas em concursos nacionais e internacionais, encontram neste espaço “uma porta de acesso” para a valorização dos seus produtos, bem como um “ponto de encontro” para provas comentadas, encontros promocionais e estabelecimento de parcerias negociais. 

  

    

 

 

 

  Partilhar este artigo
Nuvem do Minho
jornalminhodigital@gmail.com
  Partilhar este artigo

Junte-se a nós todas as semanas