Ponte de Lima: PSD acusa CDS de «visão turva»!

Comunicado de Imprensa
Logotipo do PSD

Em 15 de Novembro de 2014 o PSD de Ponte de Lima organizou o colóquio Rio Lima – Desafios e Oportunidades. Nesse ano o vereador do PSD, Manuel Barros, questionou a maioria na Câmara Municipal de Ponte de Lima sobre as recorrentes descargas poluentes. Na altura, pela voz do vice-presidente da Câmara, fomos acusados, entre outras coisas, de estarmos contra a economia local, o presidente da Câmara chegou mesmo a acusar o PSD e o seu vereador de levantarem “calúnias e mentiras”. 

Congratulamo-nos por, passado um ano, as “nossas” fileiras, a fileira dos que têm alertado para o problema e para a necessidade de encontrar soluções (onde se inclui, por exemplo, o medalhado olímpico Fernando Pimenta), sejam reforçadas por quem tem a responsabilidade máxima local pelo partido pelo qual o vice-presidente e o presidente da Câmara foram eleitos, o presidente do CDS-PP de Ponte de Lima, Abel Baptista.

Não podemos deixar, no entanto, de lamentar que a maioria na Câmara Municipal de Ponte de Lima continue a olhar para o problema de poluição do rio Lima com uma visão turva, não enfrentando o problema para encontrar soluções. Lamentamos que assim procedam pois este comportamento em nada contribui para por cobro aos atentados ambientais (acidentais ou propositados), nem para proteger a economia local.

 A Comissão Política do PSD de Ponte de Lima 

  Partilhar este artigo
Nuvem do Minho
jornalminhodigital@gmail.com
  Partilhar este artigo
📌 Mais do Lima

Junte-se a nós todas as semanas