Que ‘galo’ para os Vianenses!

Campo de futebol do Vianense

O jogo de futebol para a Taça de Portugal entre o Vianense e o Benfica vai realizar-se no Estádio do Gil Vicente, em Barcelos. 

A contestação tem sido muita nas redes sociais e os vianenses têm-se mostrado causticamente críticos da postura da Direcção do Clube. Para Jorge Gama «não houve opção face às objeções da Federação Portuguesa de Futebol, mas também da Associação de Futebol de Viana».

O presidente fala-nos em «falta de informação» de quem se pronuncia sobre isso e esclarece que em jogos desta natureza são sempre considerados de risco elevado ou alto risco». E esclarece-nos que no primeiro caso é tido em factor «a previsível normal rivalidade e alguma rivalidade que não exceda os limite, considerado um patamar abaixo da segunda situação em que não estão preenchidos os requisitos legais como por exemplo não haver bancadas da frente que não possam ser fechadas, bem como a prevista afluência de público independentemente da agressividade, stress e grande rivalidade entre os clubes».  

Outra questão que pesou na decisão dos organismos oficiais «alheia à Direcção» segundo Jorge Gama, é o facto de a Federação «ter um contrato com a SPORTV para o televisionamento do jogo e que implica, em termos técnicos, que o estádio tenha boas condições de luz». Ora não sendo o jogo de dia, mas antes às 20,30 horas de uma 6ªfeira, o José de Matos «não preenche esses requisitos segundo entendeu quem de direito».

O presidente diz, ainda «não ter razão de ser aqueles que opinam que esta opção unicamente tenha a ver com o factor do aumento de receitas de entrada já que, nestes jogos tudo é repartido em partes iguais, desde a venda de entradas a outras facturações. O que entrar nos cofres do Vianense, entrará para o Benfica».  

GOSTA DESTE CONTEÚDO?
  Partilhar este artigo
Nuvem do Minho
jornalminhodigital@gmail.com
  Partilhar este artigo
📌 Mais de Viana

Junte-se a nós todas as semanas