Coaching para adictos com o autor Eduardo Medeiros

shirley_cavalcante_perfil.jpg

 

 

 

PUB

 

 

GOSTA DESTE CONTEÚDO?

Shirley Cavalcante

Jornalista/ Editora de Lusofonia

PUB

 

Uma especialidade em evolução e cada vez mais procurada por atletas, artistas e executivos

  1. Coach de Adictos e Qualidade de Vida
  2. Palestrante
  3. Coautor dos livros:

–  “Sonhe e Realize – só depende de você”

PUB

– “Crise para alguns, Solução para outros- faça a escolha”

– “Moldando Campeões – o esporte na essência”

– “Coaches que fazem a diferença – Competência e Resiliência”

– “Estratégia de Vencedores”

PUB

– “Ampliando Olhares – Preconceitos, Prevenção e Cuidado”

  • Graduado em Direito pela Faculdade Instituto Metodista Bennett
  • Professional & Self Coach e Analista Comportamental Instituto Brasileiro de Coaching (IBC)
  • Aperfeiçoamento em Coaching Quântico
  • Pós-graduação em Gestão de Pessoas pela FGV.

  

“Bem! Eu prefiro sempre usar o termo no presente: “sou um adicto.” Afirmar no presente que sou um adicto faz com que eu me lembre ser uma pessoa livre para fazer toda e qualquer escolha; contudo, carrego um fardo como um adicto que é a escravidão de vir a ser controlado pelo prazer imediato, caso deixe estar vigilante com meus pensamentos e comportamentos.”

 

 

Boa leitura!

 

Eduardo Medeiros, é um prazer contarmos com a sua participação na Divulga Escritor: Revista Literária da Lusofonia. Apresente-nos Coaching para Adictos?

Eduardo Medeiros – O Coaching para Adictos é um método de recuperação da adicção com a utilização do Coaching, Programação Neurolinguística (PNL), Hipnose Clínica e Gestão de Pessoas totalmente voltado para pessoas que perderam a guerra para compulsão e obsessão. O mais importante é que estas pessoas tenham o desejo de conquistarem o domínio e fortalecimento das emoções para que tenham liberdade e sejam maiores que suas adicções.

O que é um adicto?

Eduardo Medeiros – Adicto é uma pessoa cuja vida é controlada pelos prazeres imediatos.

O Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa define adicto – adj.:

1 que se apega ou se afeiçoa a; dedicado, devotado;

2 dependente de; submisso s.m.

3 indivíduo que tem dependência química de determinada substância <a. de drogas estupefacientes > ETIM lat. addictus, a, um ‘adjudicado ao seu credor, como devedor insolvável, p. ext. submisso, escravizado’.

No Wikipedia.org consta ainda que “Em medicina é quem não consegue abandonar um hábito nocivo, mormente de álcool e drogas, por motivos fisiológicos ou psicológicos”.

Quais serviços são prestados por meio de sua consultoria?

Eduardo Medeiros – Neste trabalho, não tenho a pretensão em dizer ou afirmar que o processo de Coaching (condução ao objetivo desejado) é ou seja a tábua de salvação do mundo, no que tange à questão da dependência. O que busco é vincular o processo de coaching à recuperação do adicto sendo importante que o Coach (profissional formado em Coaching) conheça sobre adicção para contribuir ao lado de outros profissionais que atuam nesta área junto à pessoa que admitiu haver perdido a governabilidade de sua vida a fim de que possa superar seus medos, recalques, impulsos e desejos com a visão focada na pergunta: O que você realmente quer para sua vida?

Em que momento decidiu trabalhar como Coach para Adictos?

Eduardo Medeiros – Após ter ingressando em Narcóticos Anônimos e ver poucas pessoas conseguindo desfrutar plenamente de uma nova maneira de viver. Vi muito ingressarem, recaírem e alguns destes conseguirem voltar ao processo de recuperação; entretanto, outros, chegaram ao óbito.

Isso começou a me incomodar e fazer as seguintes perguntas: Se o programa é igual para todos, porque alguns não conseguem ficar limpo desde que ingressam? Qual a razão pela qual a pessoa precise experimentar a recaída para depois sim retornar e mudar toda história pessoal?

O que este trabalho representa para você que já foi um adicto?

Eduardo Medeiros – Sim, eu sou um adicto em recuperação desde 08 de janeiro de 2009, quando pela primeira vez ingressei na Irmandade de Narcóticos Anônimos e desde então me encontro limpo e em recuperação.

Bem! Eu prefiro sempre usar o termo no presente: “sou um adicto.” Afirmar no presente que sou um adicto faz com que eu me lembre ser uma pessoa livre para fazer toda e qualquer escolha; contudo, carrego um fardo como um adicto que é a escravidão de vir a ser controlado pelo prazer imediato, caso deixe estar vigilante com meus pensamentos e comportamentos.

O trabalho que faço é a base da minha recuperação. Mesmo havendo os 12 Passos, eu consigo adaptar o Coaching com os Passos. Os Passos têm um viés muito subjetivo; enquanto, o Coaching tem um viés de tornar claro, objetivo e específico o que foi respondido de forma subjetiva.

O que mais vem chamando a sua atenção ao realizar este trabalho?

Eduardo Medeiros – O que mais me chama atenção no trabalho que faço é perceber o quanto nossa mente nos engana e nos sabota para que deixemos de atingir o principal objetivo a ser perseguido. Somado ao fato de que outras pessoas também podem contribuir neste processo de engano e sabotagem.

O principal resultado a ser obtido é a total e completa abstinência. Contudo, é preciso viver a vida e há outros objetivos que podemos chamar de secundário.

A grande dificuldade reside quando o objetivo secundário se torna mais importante que o primeiro. O que muito me chama atenção é ver exatamente isto acontecer constantemente.

Com isso, vejo muito esquecendo o que significa ser um adicto e partir para conquistas ditas importantes pela sociedade: propriedade e prestigio. Para depois de um tempo saber ou ver que aquela pessoa retornou ao estado de escravidão do prazer imediato.

Quais os principais resultados obtidos?

Eduardo Medeiros – O principal resultado a ser obtido é fazer com que a pessoa tenha consciência de que tem nela uma doença chamada adicção. Esta é a parte mais difícil da recuperação, uma vez que está relacionada à crença e aos valores pessoais. Ao tomar consciência fe que adicção não é liberdade, crescimento pessoal, boa vontade e, muito menos, uma maneira de viver; está indo na direção de um maior equilíbrio em que é possível que compreenda valores pessoais, sociais, espirituais e materiais. Isso faz com que atinja autorrespeito, autorrealização, autoconfiança e autoconsciência e, assim, venha a deixar velhos hábitos comportamentais e mentais, para caminhar em busca da nova maneira de viver.

Quando uma pessoa tem a consciência de que possui uma adicção, isto faz com que tenha uma outra perspectiva do mundo. Faz com que entenda que a liberdade está a sua disposição, que é livre para criar e agir não tendo a obrigação de fazer algo porque tem de fazer, mas fazer algo porque isto lhe traz sentido e significado. É viver com serenidade, aceitação, coragem e sabedoria.

Além de coach você é co-autor de alguns livros, apresente-nos os livros publicados e sinopses.

Estou em coautoria nos livros descritos todos lançados pela Conquista Editora:

–  “Sonhe e Realize – só depende de você”

Neste livro há participação de 20 Coaches de diversas áreas de desenvolvimento humano com expertise em Coaching que relatam sucesso pessoal e profissional para mostrar-lhes que é possível realizarmos os nossos sonhos desde que acreditemos em nosso próprio potencial. Então, Sonhe e Realize! Só depende de você!

“Crise para alguns, Solução para outros – faça a escolha”

Nesta obra participaram 22 Coaches das mais diversas especialidades, compartilham preciosos ensinamentos e experiências que mudará seu modo de encarar a Crise, contribuindo e muito para o seu desenvolvimento pessoal e profissional, visando a construção do ser humano. Nada evolui sem passar pela fase de crise. É o desconforto com a atual situação, o divisor de águas. Ela exige uma reação natural, nos força a tomarmos uma atitude. Provoca mudanças. A crise instiga-nos a buscar novas saídas, fermenta novas ideias.

“Moldando Campeões – o esporte na essência”

Essa é uma obra que faz muito mais do que falar de esporte; aborda também sobre: finanças, carreira pessoal e profissional. É um livro sobre como a vida já nos dá desde pequenos tudo o precisamos para vencermos nela. Só prestarmos atenção! Ao final, você também fará parte dessa obra.

“Coaches que fazem a diferença – Competência e Resiliência”

Competência e resiliência são habilidades inerentes a todas as pessoas. Neste livro você encontrará dicas para desenvolver essas habilidades em prol de sua vida pessoal e profissional.

Coaches que fazem a diferença é uma obra essencial para satisfação pessoal e objetivo profissional.

“Estratégia de Vencedores”

A necessidade de transição faz parte do cotidiano com o mundo ditando novas regras que nos impulsiona a evoluir a cada dia.

Esta obra tem como objetivo ser uma mola propulsora para quem deseja alavancar sua vida e anseia por mudanças reais com estratégias que funcionam na prática. Afinal, nada como uma boa estratégia para conseguir objetivos que parecem impossíveis.

Quais os seus próximos projetos profissionais?

Eduardo Medeiros – Agora em outubro deve ser realizado o lançamento do Livro Ampliando Olhares, também pela Conquista Editora.

No início de setembro deve ir ao ar a participação no Programa PapoCoach onde abordei o tema Ética e Caráter Profissional entrando no campo da recuperação e coaching.

Também buscando parcerias profissionais tanto no Brasil como em outros países, uma vez que a questão da adicção é algo pertinente a todas as nações por ser problema tanto de saúde como criminal/judicial.

Quem desejar como deve fazer para comprar seus livros?

Eduardo Medeiros – Pode adquirir os livros entrando em contato pelo: Whatsapp:

+55 21 97960-5418

E-mail:

coachingparaadictos@gmail.com

Algum livro, em especial, aborda temáticas envolvendo a sua linha de trabalho? Se sim quais, comente sobre o público-alvo destas obras literárias e temáticas apresentadas.

Eduardo Medeiros – Dos livros que contribuí com os artigos, eu diria que eles se somam. Pois eu ainda estou elaborando o livro específico de Coaching voltado para Adictos. Cada livro citado é composto de algum títulos, capítulo ou subcapítulo do livro que estou elaborando de Coaching voltado para Adictos.

Tanto que o e-book Coaching para Adictos que disponibilizo é um capítulo completo do livro Coaching para Adictos.

Tem um link de uma palestra antiga (2013) onde de forma gratuita apresento ferramentas e as técnicas que podem ser utlizadas. Como é uma palestra antiga, algumas técnicas eu não utilizo mais.

Estes materiais ainda são muito úteis para quem deseja deixar algum tipo de dependência e com isso viver livremente sem ser escravo do prazer imediato.

 

Pois bem, estamos chegando ao fim da entrevista. Muito bom conhecer melhor o coach e autor Eduardo Medeiros. Agradecemos sua participação na Revista Divulga Escritor. Que mensagem você deixa para nossos leitores?

Eduardo Medeiros – A maior liberdade é a liberdade de escolha; poder escolher é um ato de liberdade. Mesmo durante adicção é possível fazer outra escolha. Determine de forma positiva, clara, objetiva, específica e afirmativa o que pretende escolher.

 

Divulga Escritor, unindo você ao mundo através da Literatura

Quer ser entrevistado? Entre em contato com nosso editorial, apresentaremos proposta.

Contato: smccomunicacao@hotmail.com

 

 

PUB
  Partilhar este artigo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  Partilhar

PUB
PUB

Junte-se a nós todas as semanas