Meia-maratona ao … pôr-do-sol!

Cartaz da maratona

É um espectáculo digno de se ver! O pôr-do-sol em Caminha é mágico, deslumbrante! Um momento em que se permite um abraço diferente na Foz do Minho com A Guarda. É neste cenário que amanhã se realiza a I Meia-Maratona Sunset em Caminha.

PUB

Isabel Varela (texto)

Maria Isaura Presa (fotos)

GOSTA DESTE CONTEÚDO?

 

É a única meia-maratona sunset do país! E acontece em Caminha, amanhã, pelas 19.00 horas, em que mais cerca de 600 atletas de vários países vão estar em prova, entre a meia-maratona (21 km) e mini-maratona (5 km). Esta prova realiza-se ao longo de 21 quilómetros, com partida e chegada em Caminha, e entre Seixas e Vila Praia de Âncora. Por sua vez, a mini-maratona tem partida e chegada na zona do Terreiro em Caminha e retorno na zona da foz do rio Minho. Esta prova decorre na estrada nacional nº 13 que vai estar cortada ao trânsito. A internacionalização desta prova de atletismo está assegurada com as presenças de concorrentes  portugueses, brasileiros, espanhóis, franceses, italianos e ingleses.

PUB

Podemos perguntar: porquê uma meia-maratona sunset? E a resposta é bem clara por parte da Associação de Triatlo de Caminha, na voz de um dos membros da direcção, Bruno Nogueira. « Quantos de nós, apesar da cá vivermos, não nos perdemos com este pôr de sol fantastico?! E por que não mostrá-lo numa vertente diferente, a desportiva. Dai, termos surgido com a Primeira Meia-Maratona Sunset do país, num conceito completamente inovador que promete por novamente o Municipio no topo do desporto Nacional e Internacional».

Quem é a Associação de Triatlo de Caminha?

Esta associação surgiu no ano de 2013, juntando amigos e uma mesma paixão, o desporto. Com ideias claras a associação tinha os objectivos defenidos, isto é «a ideia principal, foi desde o inicio, aproveitar as fantásticas e excelentes condições naturais que este concelho tem para a prática da modalidade, aliando o bem receber que a hospitalidade  os munícipes tem de tão natural, para orgazinar o que é considerado hoje um dos triatlos de eleição no país: O Triatlo Longo de Caminha!»

PUB

Para a associação, esta modalidade não se pode considerar da moda, «mas sim emergente». Um dos membros da direcção, Bruno Nogueira, salientou ao Minho Digital que «no estrangeiro, o triatlo já é um desporto consolidado, e penso que em Portugal tem crescido a olhos vistos, com a qualidade dos atletas nacionais a terem cada vez mais resultados dignos de nota e de igual para igual com qualquer potência mundial do triatlo. Esta modalidade veio para ficar e a ATC trabalha para que a sua capital seja o Município de Caminha»

Fica o convite para quem queira praticar esta modalidade. Um desporto individual e na busca do atleta mais resistente. Em termos de custos, este dirigente salienta que «quanto mais altos forem os objectivos, mais dispendiosa será a sua prática, isso aliado a que o desporto em si é a junção de três modalidades. Por isso não é difícil ficar um pouco caro mas, numa versão mais lúdica, é perfeitamente acessivel».

http://triatlocaminha.com/?page_id=8

O convite está feito!

PUB

 

PUB
  Partilhar este artigo

  Partilhar

PUB
PUB

Junte-se a nós todas as semanas