Compre já a nova edição do livro MINHO CONNECTION

São Jorge vence Coca em pouco mais de oito minutos!

São Jorge vence Coca

 

O combate da Coca e de São Jorge foi este ano marcado por record ao nível do tempo de execução e ainda pelo corte das duas orelhas do dragão verde. No anfiteatro do Souto, ao final da tarde de 07 de Junho, o bem e o mau enfrentam-se. A vitória de São Jorge garante um bom ano de colheitas agrícolas.

Paulo Barros, que com 37 anos, combatia pela primeira vez a Coca estava “nervoso” antes e depois do combate. O cavalo Oeste, de pura raça Lusitana também revelava alguns sinais de nervosismo na aproximação à Coca. “Correu tudo bem”, dizia no final, mas ainda manifestava o peso da responsabilidade. “Segundo a lenda, se a Coca ganhar teremos um mau ano agrícola. E isso não queremos”, explicava.

Augusto Domingues fala de “um combate ancestral”, que coloca frente a frente um dragão verde empurrado por cinco homens e um cavaleiro.

PUB

O público, que rodeia o anfiteatro natural do Souto grita por São Jorge e aplaude as investidas. Primeiro a personificação do bem tem de espetar a lança três vezes na boca do animal. Depois troca de arma e agarra, das mãos do presidente da Câmara, a espada para lhe cortar uma orelha. Este ano, mesmo junto ao palco, cortou as duas.

 

GOSTA DESTE CONTEÚDO?

Amável Afonso dá indicações ao cavaleiro

Com 68 anos, Amável Afonso já está reformado, mas faz questão de acompanhar o combate, onde participou mais de 30 anos.

PUB

Antes do combate vigia a Coca e a filha, e incentiva as crianças a tirar fotos. “Dantes na festa da Coca não se rompia aqui com a gente. Desde que o Governo retirou o feriado que as pessoas foram diminuindo. Ao domingo não há tanta gente”, frisava.

O dragão verde é de madeira, lona e folha de zinco, empurrada por três homens no exterior e um no interior. “Nós vínhamos fardados com a farda da Câmara. Calças e casaco verde e camisa branca. Tenho essa farda em casa como recordação”.

PUB
PUB
  Partilhar este artigo
  Partilhar este artigo
PUB
PUB

Junte-se a nós todas as semanas