Editorial

A hipocrisia da colocação dos jovens especialistas nas vagas do Serviço do SNS

Redação

Redação

Redação

Redação

geral@minhodigital.pt

A Lista Mudança com Norte não se revê no atual processo de colocação dos recém especialistas nas vagas que são abertas no Serviço Nacional de Saúde (SNS) tendo como critério exclusivo a seriação nacional ditada pelas notas obtidas no exame final de internato.

A Mudança com Norte pretende que a avaliação final dos internatos confirme, apenas, a capacidade do jovem candidato exercer autonomamente a sua atividade como Especialista.

A Mudança com Norte pensa que o acesso dos jovens Especialistas às vagas existentes no SNS deverá ser determinado por um concurso público que privilegie o Curriculum Vitae dos candidatos.

O que se tem passado nos últimos anos é uma hipocrisia. Temos assistido a classificações de exames finais de internato que frequentemente se situam entre o 19.00 e o 20.00.

Mas como é que júris diferentes, em diferentes zonas do país, com perguntas diferentes e provas práticas necessariamente distintas podem ter a capacidade de gerar uma classificação nacional objetiva, com discriminação até às centésimas que vai ordenar, a nível nacional, os jovens médicos para futuros concursos nacionais?

É obvio que não podem!

O que estamos a assistir é a um desrespeito pelo trabalho e formação dos jovens médicos.

A Mudança com Norte não tolera a continuação desta hipocrisia.

 

Candidato a Presidente do Conselho Fiscal Regional

#mudancacomnorte #nortemedico #SRNOM

geral@minhodigital.pt

Partilhar

Partilhe este artigo

 Do autor...  Do mesmo autor...